• joiiufpi

UFPI e UnB buscam conscientizar e empoderar comunidades de Teresina no combate às arboviroses


O combate as arboviroses (dengue, zika e chinkungunya) ganhou um grande reforço em Teresina-PI.


O projeto “ArboControl”, da Universidade de Brasília em parceria com a Universidade Federal do Piauí, chega à capital com o objetivo de disseminar informação para combater a proliferação dos vírus. As ações iniciaram neste mês de setembro e se concentram nas regiões periféricas da cidade.


A oficina “Canva Lab - Edição sem Complicação” é uma das iniciativas. A atividade ocorrerá no dia 25 de setembro, às 9 horas e visa auxiliar membros de comunidades de Teresina a produzir conteúdos dentro da plataforma de edição de imagens “Canva”. Com a finalidade de tornar acessível a produção de conteúdo por comunidades, a oficina é uma das ações do projeto “ArboControl”. As inscrições para a oficina estarão abertas até sexta-feira (24) e podem ser feitas através do site www.joiiufpi.com.br/about-3 no formulário de inscrição disponível.


A oficina faz parte de uma série de iniciativas educativas que buscam ajudar comunidades a produzir e compartilhar informações sobre doenças como dengue, chikugunya e zika vírus, provocadas pelo mesmo agente transmissor: o Aedes Aegypti. O projeto tem o objetivo de contribuir para prevenção e, consequentemente, uma retenção no número de casos dessas doenças.


Participando pela primeira vez do projeto ArboControl, o Piauí foi inserido como membro integrante da Região Nordeste. A iniciativa vem sendo realizada no Departamento de Saúde Coletiva da UNB desde 2016. “Hoje, o projeto tem representação nas cinco regiões do país e a ideia é tentar comunicar melhor sobre as arboviroses. Estamos participando através da Universidade Federal do Piauí e pretendemos incentivar e aprimorar a comunicação sobre essas doenças junto à população teresinense, por meio de uma linguagem acessível e didática”, explica a professora Juliana Teixeira, coordenadora estadual do projeto.


A oficina, que irá ocorrer no sábado (25), faz parte de uma série de atividades promovidas pelo grupo para mobilizar cidadãos e em especial integrantes de comunidades de Teresina. “Essa oficina é voltada para as comunidades, escolas e todos os cidadãos que quiserem participar. A intenção é ensinar as pessoas a produzirem seu próprio material de divulgação, capacitando as comunidades a gerarem iniciativas de divulgação científica próprias”, afirma a coordenadora.

3 visualizações0 comentário
logo%20capa_edited.jpg